Conselho de Prevenção da Corrupção pede reforço da transparência na gestão pública

No fim de uma semana de polémicas sobre ajustes directos, este organismo independente que funciona junto do Tribunal de Contas emitiu um aviso claro ao Governo.

Vítor Caldeira preside ao CPC por ser presidente do Tribunal de Contas
Foto
Vítor Caldeira preside ao CPC por ser presidente do Tribunal de Contas LUSA/José Sena Goulão

O Conselho de Prevenção da Corrupção emitiu esta sexta-feira uma recomendação a todas as entidades que gerem dinheiro ou patrimónios públicos para que “mantenham e reforcem os cuidados próprios de uma cultura de transparência, de ética e de integridade” durante a luta contra a pandemia de covid-19, “incluindo nas componentes de controlo e das medidas de prevenção e mitigação de riscos no âmbito das suas condutas”.