Madonna esteve doente com covid-19, mas já recuperou

A estrela pop de 61 anos recebeu o resultado positivo para a presença de anticorpos do vírus.

Foto
Reuters/Carlo Allegri

Foi através da sua conta de Instagram que Madonna revelou, esta quarta-feira, que esteve infectada pelo novo coronavírus, mas que, na altura, nem se apercebeu. A cantora de 61 anos declara-se grata por poder contribuir para a investigação de uma vacina para a covid-19, partilhando que contribuiu com 1,1 milhões de dólares (cerca de um milhão de euros).

“Para deixar tudo claro”, começa por explicar Madonna, “não estou actualmente doente”. A estrela pop revela, no entanto, que fez o teste [serológico] tendo sido o resultado positivo para a presença de anticorpos ao coronavírus SARS-CoV-2. “Quando o teste de anticorpos dá positivo, significa que se teve o vírus.”

“Senti-me doente no final da digressão, em Paris, há sete semanas, assim como muitos outros artistas do meu espectáculo, mas, na altura, todos achámos que era apenas uma gripe muito forte”, descreve. “Graças a Deus, estamos todos bem”, conclui.

Recorde-se que a digressão europeia de Madame X começou no início do ano, precisamente em Lisboa, cidade que a norte-americana escolheu para viver. No entanto, a série de concertos intimistas ficaria marcada pelos cancelamentos de última hora. Na origem, esteve uma lesão que a cantora sofreu​ durante a tournée nos EUA, o que viria a determinar o adiamento da europeia.

Sugerir correcção