Coronavírus

Convívio entre avós e netos depende do “tipo de avós que estamos a falar”

Caso os avós sejam jovens e pessoas sem factores de risco, a convivência com os netos dá-se “no âmbito do agregado familiar e não envolve nenhum risco acrescido”, diz a directora-geral da Saúde.