Alimentação

Duas receitas que fizeram sucesso durante a quarentena

O Compassionate Cuisine (em português, Cozinha com Compaixão) foi criado por Márcia Gonçalves, em 2012, e tem como missão a divulgação de receitas vegetarianas criativas. Faz parte dos Pares do Ímpar.

,Molho marinara
Foto
DR

Durante a quarentena os portugueses descobriram como fazer pão, alguns aventuraram-se mesmo por conseguir fazer “massa-mãe”, o fermento natural, já que o de padeiro desapareceu das prateleiras de muitos supermercados. Mas, muitos foram mais longe e decidiram fazer compotas, pickles ou chutneys, (este último é um condimento agridoce, cuja origem é indiana e pode ser consumido em vários momentos). Assim, neste recomeçar, proponho uma receita de pão e uma de chutney, que acompanha bem com o pão!

PÚBLICO -
Foto
DR

Obter um pão saboroso resulta de várias etapas bem‑sucedidas que começam pela elaboração da massa: o envolvimento da farinha, da água, do fermento e do sal; o amassar, onde ocorre o desenvolvimento do glúten, a proteína que confere a estrutura ao pão; a fermentação, em que o crescimento das leveduras origina bolhinhas de dióxido de carbono que ficam presas na estrutura da massa, permitindo que esta cresça; e o culminar no cozimento do pão, com a formação de uma côdea estaladiça. Para dar personalidade ao pão, e aproveitar a receita-base aqui apresentada, pode omitir as nozes e a aveia, e juntar outros ingredientes.

Antes da primeira fermentação (passo 1)

  • 1 a 2 colheres de chá de especiarias moídas (canela, gengibre…) ou em grão (erva‑doce…);
  • Até ¼ de chávena de café moído ou cacau;
  • Até ½ chávena de farelo de trigo;

Aquando do amassar, antes da fermentação final (passo 4)

  • Até 1 chávena de frutos secos e sementes;
  •  Até ½ chávena de azeitonas;
  • •¼ de chávena de ervas aromáticas frescas ou 1 colher de sopa de ervas aromáticas secas
  • Até ½ chávena de cebola caramelizada

Pão de centeio e nozes

Tempo de preparação e confecção: 10 h

PÚBLICO -
Foto
DR

Ingredientes:
1 chávena (140 g) de farinha de trigo integral
1 ½ chávenas (210 g) de farinha de trigo T65
1 chávena (140 g) de farinha de centeio
1 ½ colher de chá (7 g) de fermento instantâneo
1 ½ colher de chá (8 g) de sal
240 ml + 60 ml de água
½ chávena (50 g) de flocos de aveia
½ chávena (60 g) de nozes picadas

Preparação:

  1. Com o auxílio de uma colher misture a farinha de trigo integral, a farinha de centeio, o fermento, o sal e a água numa taça. Cubra com película aderente e deixe fermentar durante pelo menos 6 a 8 horas.
  2. Ao fim deste tempo de fermentação, junte à massa fermentada a farinha T65 e os 60 ml de água. Amasse durante 8 a 10 minutos a massa, numa superfície enfarinhada, e forme uma bola.
  3. Deixe a massa fermentar durante pelo menos uma 1h30, numa taça coberta com película aderente.
  4. Junte a aveia e as nozes à massa, e molde um pão redondo. Coloque a massa numa folha de papel vegetal polvilhada com farinha e deixe levedar por mais 1 hora.
  5. Passados 30 a 40 minutos, preaqueça o forno a 220º C. Aqueça também um tacho de ferro fundido no forno.
  6. Com cuidado, coloque o pão dentro do tacho, tape, e deixe cozer durante cerca de 30 minutos. Retire a tampa do tacho, e deixe cozer mais 15 minutos, até o pão desenvolver uma crosta dourada e estaladiça.

Os chutneys podem ser feitos a partir de uma variedade de frutas e legumes. A receita (abaixo apresentada) pode servir de modelo para uma diversidade de novos sabores: troque a cebola e o tomate por frutas mais tradicionais como a manga ou, porque não?, figo, pêra ou maçã; para obter um condimento de sabor complexo, que varia entre o doce, picante, ácido e salgado.

Chutney de tomate e cebola

Tempo de preparação: 50 min

PÚBLICO -
Foto
DR

Ingredientes:
800 – 900 g de tomate xuxa (6 unidades)
1 cebola pequena, cortada em cubos
¼ - 1/3 chávena (50 – 66 g) de açúcar
¼ chávena (60 ml) de vinagre de sidra
2 colheres de chá de gengibre ralado
1 colher de chá de sementes de coentros
½ colher de chá de sal
1/8 colher de chá de piri-piri

Preparação:

  1. Para pelar facilmente o tomate, coloque-o numa panela com água a ferver durante cerca de 2 minutos. Retire, deixe arrefecer ligeiramente, pele o tomate e corte-o em cubos.
  2. Coloque numa panela todos os ingredientes acima indicados e leve à fervura. Assim que começar a ferver, reduza o lume, e deixe cozer durante cerca de 30 a 40 minutos, mexendo ocasionalmente, até o molho reduzir significativamente. Prove e ajuste os condimentos a gosto.
  3. Guarde o chutney em frascos e armazene-o no frigorífico durante algumas semanas. Pode servi-lo a acompanhar um caril, como condimento, para dar mais sabor a sandes, ou pode servir a par de outros aperitivos, como entrada.
Sugerir correcção