Coronavírus

“Todos os trabalhadores têm direito a ser felizes”

Foram despedidos, entraram em layoff, perderam rendimentos. Trabalham receosos e temem o futuro. Em que pensam os trabalhadores neste 1º de Maio, quando uma pandemia virou o mundo do avesso? Liberdade, esperança, resiliência, fé, medo – e o “vazio” que o desemprego traz