#cuidadetodos: o movimento que quer juntar voluntários para ajudar nos lares de idosos

A campanha já conta com 800 inscritos. Para a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, os lares têm sido uma “área crítica em termos de recursos humanos”.

“É cada vez mais necessário termos recursos humanos nos lares”, afirmou a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho
Foto
“É cada vez mais necessário termos recursos humanos nos lares”, afirmou a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho Nelson Garrido

O Governo lançou este fim-de-semana uma iniciativa para angariar voluntários para lares e instituições de apoio a idosos. A campanha #cuidadetodos surge no âmbito do combate à pandemia de covid-19 e, até esta segunda-feira, já conta com 800 inscritos.

“É cada vez mais necessário termos recursos humanos nos lares”, afirmou a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, em entrevista à SIC Notícias na manhã desta segunda-feira. A ministra referiu que “muitos dos técnicos dos lares precisam de descansar ou estão de quarentena”.

Há também “cada vez mais pessoas a precisar de apoio domiciliário” e, face às necessidades, é preciso “uma mobilização de todos para ajudar onde é mais preciso”, explicou Ana Mendes Godinho.

Para ser voluntário basta ter 18 anos e submeter a inscrição aqui. Ao preencher os dados, é também necessário declarar que não se tem problemas de saúde que comprometam a actividade (como por exemplo doenças oncológicas ou crónicas), que não houve contacto com pessoas infectadas com covid-19 nos últimos 14 dias e que, no mesmo período, não viajou para fora de Portugal.

“Garantimos que na selecção e na colocação das pessoas em cada uma das unidades são também garantidas as funções e as qualificações das pessoas para não colocar ninguém em risco”, explicou a ministra do Trabalho.

Ana Mendes Godinho acrescentou que foi estabelecido um programa com o IEFP para “dar uma bolsa a quem estiver disponível para trabalhar nestas instituições”, nomeadamente para ajudar nos custos das deslocações.

Esta é uma campanha promovida pela CASES – Cooperativa António Sérgio para a Economia Social, uma parceria entre o Estado e entidades representativas do sector da economia social.

Sugerir correcção