Torne-se perito

O imenso trabalho invisível do Centro de Estudos de Teatro

Apesar do generalizado desconhecimento por parte do público, desde 1994 que o Centro de Estudos de Teatro vem investigando e alimentando a História do teatro em Portugal. Está quase tudo online — até mesmo a sua essencial base de dados.

Fotogaleria
Estudos fisionómicos do actor Eduardo Brasão em A Madrugada, O Bibliotecário e na tragédia Hamlet (in O Branco e Negro) cortesia Centro de Estudos de Teatro (CET)
Fotogaleria
Eduardo Brasão como Hamlet cortesia Centro de Estudos de Teatro (CET)
Artes visuais
Fotogaleria
Palmira Bastos como personagem da peça Viuvinha (fotografias de Arnaldo Fonseca, in Ilustração Portuguesa) cortesia Centro de Estudos de Teatro (CET)
,Leiria
Fotogaleria
O Auto da Barca do Inferno, clássico de Gil Vicente cortesia Centro de Estudos de Teatro (CET)

Se sempre quis saber quantas vezes foi apresentado Hamlet ou a primeira vez de que há registo de uma produção de um texto de Shakespeare em Portugal; se lhe interessa conhecer quando e onde Peter Stein ou Patrice Chéreau dirigiram peças no território nacional; se tem uma curiosidade desmedida sobre os nomes de todos os espectáculos de teatro em que foi tocado clarinete ao vivo; ou se há muito que se questiona quando foram utilizadas pela primeira vez as expressões “encenação” ou “devising” no contexto de apresentação de uma peça teatral no nosso país, a tudo isto e muito mais responde a CETbase.