Carlos Queiroz oferece-se para baixar salário na selecção da Colômbia

O treinador português orienta aquela selecção sul-americana há pouco mais e um ano.

Carlos Queiroz
Foto
Carlos Queiroz Reuters/RODOLFO BUHRER

O seleccionador de futebol da Colômbia, o português Carlos Queiroz, disponibilizou-se para baixar o salário devido à pandemia de covid-19, revelou nesta sexta-feira o presidente da federação colombiana (FCF), Ramón Jesurún.

“Desde o início da pandemia, o professor Queiroz e a sua equipa técnica, muito generosamente, revelaram disponibilidade junto da nossa direcção para reduzir os seus salários. Para já não foi necessário, mas o gesto é de um grande cavalheiro”, elogiou o dirigente.

O presidente da FCF referiu que lidera uma “entidade sólida, mas não rica”, e contou que neste “difícil momento” já foi entregue aos clubes colombianos uma ajuda de cerca de 2,5 milhões de euros.

Sugerir correcção