Festival: É hora de varandear

À semelhança do que já aconteceu em Itália, em Espanha e no Brasil, voluntários da música e da palavra estão à vontade para subir ao palco.

Foto
DR

Neste domingo, dia 29, às 17h30, a ordem é para arejar. O convite vem do Festival Varandas, que anda desde 2012 a abrir portadas na cidade do Porto, e que agora põe o isolamento e a resistência de braços dados com a solidariedade. Tudo, claro está, sem sair de casa.

À semelhança do que já aconteceu em Itália, em Espanha e no Brasil, voluntários da música e da palavra estão à vontade para subir ao palco (que tanto pode ser a varanda como a janela, o pátio ou um logradouro) e mostrar o que lhes vai na alma, fazendo companhia aos vizinhos da rua ou do bairro.

As actuações deverão ter entre 15 e 45 minutos e estão sujeitas a inscrição na conta de Facebook do festival (basta indicar o nome, contacto, tipo de espectáculo e o local). A organização encarregar-se-á de conjugar todas as participações e divulgar os horários de cada actuação nos meios de comunicação e nas redes sociais. As crianças não são esquecidas: para os pequenos artistas, no mesmo formato, há um Varandinha às 11h.