P3

Picar o Ponto: Profissões que não podem parar

Com o coração se faz sopa

Uma porta abre-se e um sorriso aparece. É o Márcio, agricultor. Tal como o bisavô, avô e pai. Mesmo em tempos de isolamento por causa da pandemia do novo coronavírus, há quem não consiga ficar em casa. Nos próximos dias, a crónica fotográfica Picar o Ponto apresenta sete profissões que não podem parar.