Coronavírus: estes 55 voluntários querem ajudar a entreter as crianças durante o isolamento social

Ensinar crianças a jogar xadrez, ler uma história, criar um herbário, estudar matemática ou aprender inglês são algumas das muitas actividades do Sharing is Caring da Porto Business School.

Fotogaleria
As actividades decorrem através de uma videochamada e são totalmente gratuita DR
,Abertura de xadrez
Fotogaleria
As crianças podem aprender a jogar xadrez, a criar um herbanário, ter explicações de matemática, entre muitas outras actividades DR

Está em teletrabalho e não sabe como ocupar os seus filhos durante o horário de expediente? Não está sozinho. A comunidade académica da Porto Business School quis ajudar e criou um projecto de actividades para crianças dos 4 aos 15 anos. São 55 voluntários para as mais de 50 actividades gratuitas organizadas pelo projecto Sharing is Caring.

Ensinar crianças a jogar xadrez, ler uma história, criar um herbário, estudar matemática ou aprender inglês são algumas das actividades. Alunos, funcionários e professores da Porto Business School (PBS) querem ajudar-se mutuamente e “partilhar experiência e conhecimento”, explica o director de inovação e crescimento da PBS, Rui Coutinho, ao PÚBLICO.

“O Sharing is Caring é a nossa forma de mostrarmos ao mundo que podemos continuar a partilhar aprendizagens à distância, e garantir que todos os pais e filhos podem encontrar conforto e bem-estar na gestão entre a sua vida pessoal e profissional”, explica, em comunicado, a directora da PBS, Patrícia Teixeira Lopes.

Quando lançou o desafio à comunidade académica da PBS, Rui Coutinho nunca esperou que existisse uma mobilização tão rápida. Em poucos dias, juntaram-se à iniciativa mais de 50 voluntários de várias áreas e registaram-se 55 crianças para participar. Da música, ao teatro, ciência e literatura, o calendário conta já com 81 actividades agendadas até 17 de Abril. 

A gestora de redes sociais, Inês Mendes de Andrade, foi uma das voluntárias a juntar-se ao projecto. “É uma iniciativa importante para as crianças e pais, que viram a rotina virada de pernas para o ar”, assinala a voluntária.

Cada actividade funciona de forma semelhante: os participantes inscrevem-se e recebem uma hiperligação para o sistema do Sharing is Caring, semelhante a uma videochamada convencional. Há sempre um funcionário da PBS a moderar os encontros, que duram entre 45 e 60 minutos.

Na actividade que coordena, “Viajar sem sair da sala de estar”, Inês Mendes de Andrade conta uma história a crianças dos 4 aos 9 anos. “Há interacção ao longo da história. As crianças apresentam-se e conversamos”, explica. As histórias para ler são escolhidas pela voluntária, consoante os livros que tem em casa e a idade dos participantes.

Sharing is Caring também pode ser uma ajuda para o estudo, com explicações de várias disciplinas e para todas as idades. Os pais podem sempre ver quem é o voluntário responsável pela actividade, através de um link directo para o respectivo perfil de LinkedIn. 

Estão agendadas actividades para todos os dias da semana e sempre diferentes para que as crianças não se aborreçam, garante Rui Coutinho. A inscrição é gratuita e pode ser feita através do site da Porto Business School.

Texto editado por Bárbara Wong