Ípsilon

Coronavírus

O que há para criar quando se suspende o tempo?

Salas de concerto, teatros, cinemas, museus e galerias fechados. Artistas em casa, público em casa a ver arte nos ecrãs. Que faremos deste presente em suspenso a que ainda não vemos futuro? Legendary Tigerman, Ana Borralho e João Galante, Pedro Borges e João Laia falam ao Ípsilon.