Processo de revisão constitucional aberto pelo Chega morreu

André Ventura retirou os dois projectos por causa do combate à pandemia, mas PSD e CDS já tinham remetido processo de revisão constitucional para mais tarde.

Foto
Parlamento Daniel Rocha

André Ventura havia aberto o processo de revisão constitucional precisamente para permitir o internamento compulsivo para evitar a propagação do vírus da covid-19. Mas o deputado único do Chega confirmou nesta terça-feira que retirou os dois projectos de revisão constitucional porque “não se coadunam” com a situação actual provocada pelo novo coronavírus, argumentando que os órgãos de soberania devem estar “concentrados” na pandemia.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários