Jorge Calado está a fazer nova colecção de fotografia, desta vez para Vila Franca de Xira

O Museu do Neo-Realismo tem a ambição de construir um acervo de referência no que toca à representação do povo no século XX e lançou o repto a um dos grandes especialistas portugueses.

Foto
Florista Ambulante, Lisboa, de Jean Dieuzaide, imagem datada dos anos 50

O Museu do Neo-Realismo, em Vila Franca de Xira, está a organizar uma colecção de fotografia internacional com a contribuição de Jorge Calado, conhecido curador e coleccionador. Já com 130 imagens adquiridas, muitas delas nos Estados Unidos, a nova colecção, centrada no período 1940-1970, será mostrada numa exposição agendada para Novembro, intitulada A Família Humana, mas o objectivo é que ajude a renovar os conteúdos e a museografia deste museu municipal com um acervo centrado em espólios literários ligados ao movimento neo-realista.