Coronavírus: Sintra encerra parques e monumentos

Pena, Regaleira, Palácio Nacional de Sintra, Castelo de Mouros, Jardins de Queluz e mais. Tudo fechado.

Parque e Palácio Nacional da Pena
Foto
Pena Miguel Manso

A Câmara Municipal de Sintra avançou com o encerramento ao público, a partir deste sábado, de todos os monumentos do concelho, no âmbito das medidas de prevenção da covid-19.

A decisão do encerramento foi tomada nas sexta à tarde após uma reunião entre a Câmara de Sintra, a Fundação Culturasintra e a empresa Parques de Sintra Monte da Lua e surge, explica a autarquia em comunicado, “na sequência do estado de alerta em Portugal”.

Assim, a partir de sábado estarão encerrados ao público monumentos como a Quinta da Regaleira, Parque e Palácio Nacional da Pena, Castelo dos Mouros, Palácio Nacional de Sintra, Palácio Nacional e Jardins de Queluz, Parque e Palácio de Monserrate, Chalet e Jardim da Condessa d"Edla e Quinta da Ribafria.

A Câmara de Sintra já tinha decidido na terça-feira cancelar todas as actividades e eventos públicos da responsabilidade do município e suspender os serviços de atendimento presencial, de forma a diminuir os riscos de contágio por covid-19, mas manteve as visitas.