Hospital confirma AVC de Dolores Aveiro. Cristiano pede “privacidade”

A mãe de Cristiano Ronaldo encontra-se internada e “estável”. Atleta usou as redes sociais para “pedir alguma privacidade”.

SIC Notícias
Fotogaleria
Dolores Aveiro tem 65 anos e é natural da freguesia de Machico Reuters/CARL RECINE
,Maria Dolores dos Santos Aveiro
Fotogaleria
CR7 informou que a mãe “está de momento estável e a recuperar no hospital” Reuters/EDDIE KEOGH

“A entrada da utente D. Dolores Aveiro, na madrugada de hoje, 3 de Março, com um Acidente Vascular Cerebral (AVC) isquémico”, que se caracteriza por uma lesão das células cerebrais fruto da ausência de oxigénio e de nutrientes na sequência de um bloqueio do fluxo de sangue, foi confirmada por um comunicado do ​Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira, citado pelo Jornal da Madeira.

Segundo a nota oficial, Dolores Aveiro chegou ao Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, com um quadro de AVC isquémico “com pouco tempo de evolução, o que permitiu a realização de duas terapêuticas de recanalização vascular: a química (trombólise) e a mecânica (trombectomia)”. “Estas terapêuticas contribuem para a melhoria do prognóstico”, explicam, adiantando que, "até ao momento, a evolução da situação clínica decorre conforme esperado”.

O mesmo organismo esclareceu que, doravante, "toda a informação clínica será dada a conhecer única e exclusivamente à família da utente, que a poderá tornar pública (ou não), um direito que lhes assiste e que deve ser respeitado”.

Também Cristiano Ronaldo pediu “privacidade neste momento”. O jogador da Juventus, que se deslocou de imediato à ilha, onde chegou a meio da tarde, usou as redes para agradecer todas as “mensagens de apoio” e também à “equipa médica que está a olhar” pela mãe, esclarecendo que Dolores Aveiro “está de momento estável e a recuperar no hospital”.

Dolores Aveiro tem 65 anos e é natural da freguesia de Machico, na zona oriental da ilha da Madeira. Mãe do craque português Cristiano Ronaldo, e ainda de Liliana Cátia Aveiro (Kátia Aveiro), Elma Aveiro e Hugo Aveiro, Dolores conquistou, ao longo dos anos, um lugar de destaque na sociedade portuguesa, sobretudo pela sua frontalidade. Em 2014, lançou a sua autobiografia Mãe Coragem (ed. Matéria Prima), escrita por Paulo Sousa Costa, na qual fala sobre a morte da mãe quando tinha apenas seis anos, sobre a violência familiar, o nascimento dos filhos, a emigração, as decisões difíceis para alimentar a carreira de Ronaldo, a luta contra um cancro e o seu papel de avó.

No Instagram, a matriarca Aveiro é a personalidade portuguesa com mais seguidores, somando 2,1 milhões de fãs, e na sua última publicação não faltam mensagens de coragem e apoio.

Ver esta publicação no Instagram

Bom domingo para todos ????

Uma publicação partilhada por Maria Dolores (@doloresaveiroofficial) a

Sugerir correcção