Torne-se perito

Acusação a Salgado “presa” por sigilo profissional de testemunha

Rui Silveira, ex-administrador do BES, recusa levantar o sigilo profissional no processo em que o Banco de Portugal investiga o papel de Salgado na sociedade suíça criada para financiar o GES. Tribunal pediu parecer à Ordem dos Advogados.

,Banco
Foto
LUSA/PAULO CUNHA

A última acusação no processo que o Banco de Portugal (BdP) abriu no caso BES continua “presa” por questões processuais. E está agora à espera que possa ser levantado o sigilo profissional de um advogado, Rui Silveira, ex-administrador de Ricardo Salgado e testemunha-chave em todo o processo. A Ordem dos Advogados tem palavra decisiva.