Torne-se perito

Bruno Lage: “Temos de ser mais competentes no momento defensivo”

O técnico do Benfica deixou elogios individuais a Taarabt.

Lage fez a antevisão do jogo frente ao Shakhtar.
Foto
Lage fez a antevisão do jogo frente ao Shakhtar. LUSA/SERGEY DOLZHENKO

Bruno Lage, treinador do Benfica, reconhece que os “encarnados” têm de melhorar defensivamente se quiserem seguir em frente na Liga Europa. “Temos de ser mais competentes no momento defensivo. Não em termos individuais ou de sector, mas em termos colectivos”, disse, nesta quarta-feira, na antevisão do jogo frente ao Shakhtar.

Sobre a partida, Lage reconheceu, tal como Luís Castro, que o cariz decisivo pesará nas posturas dos treinadores. “Temos de ir à procura do resultado que nos permita seguir em frente. A intenção é entrarmos forte, sabermos o que temos de fazer com bola e defendermos bem os espaços que o Shakhtar gosta de explorar. E à medida que o tempo passe é normal que um ou outro treinador tenha de agir ou reagir. É em função do tempo e do resultado que os treinadores vão mexer na equipa”, previu.

O técnico “encarnado” recusou ainda escolher entre o campeonato e a Liga Europa. “Preferência? A preferência é o jogo seguinte. O que posso dizer é que em função dos jogadores disponíveis para jogar, a estratégia e a nossa análise, vamos escolher o melhor “onze”. Nunca abdiquei de nenhuma competição nem fiz gestão de nada”, garantiu. E deixou elogios individuais: “Mais do que a posição em que joga, o que me dá prazer é ver o Taarabt corresponder à oportunidade que o Benfica lhe deu”.

Sugerir correcção