Três praias portuguesas em top 10 mundial do nudismo

Um feito nesta lista que inclui 45 areais pelo mundo, tendo em conta que em Portugal, além das praias do Algarve e Caparica em destaque, só há nove praias oficiais de naturismo.

,Praia do Homem Nu
Fotogaleria
Adegas, Odeceixe Miguel Manso
Fotogaleria
Adegas, Odeceixe Miguel Manso
Fotogaleria
Adegas, Odeceixe Rui Gaudêncio
,Praia de nudismo
Fotogaleria
Adegas, Odeceixe Nuno Ferreira Santos
,Praia do Barril
Fotogaleria
Barreta, ilha Desertaa Enric Vives-Rubio
de praia
Fotogaleria
Barreta, ilha Desertaa Enric Vives-Rubio
Fotogaleria
Barreta, ilha Desertaa Enric Vives-Rubio
Fotogaleria
Barreta, ilha Desertaa Enric Vives-Rubio

A Bela Vista da Caparica, a das Adegas, em Odeceixe, e a Barreta de Faro. Não há quem duvide: são belas praias, com menos ou mais têxteis no cenário. Mas o que as distingue entre as centenas de quilómetros de praias portuguesas é precisamente o facto de, oficialmente, poder dispensar-se as roupas e ir a banhos como se veio ao mundo. Isso e terem agora sido incluídas no ranking das “melhores praias nudistas para férias” da agência britânica Globehunters.

Numa lista liderada por Bolónia (Cádiz, Espanha), logo seguida por Punta Križ (Rovinj, Croácia), Portugal assume logo o 3.º posto com a extraordinária praia da Barreta (na ilha Deserta, também conhecida como ilha da Barreta). “Um paraíso (quase) intocado no seio do veraneante Algarve, em pleno coração da ria Formosa”, como já se escreveu na Fugas. 

No top seguem-se mais uma praia croata (Sovinje, na ilha de Pasman) e outra espanhola (Cavallet, em Ibiza). A praia das Adegas, o “complemento” naturista da grande praia de Odeceixe (entre Alentejo e Algarve, mas no concelho de Aljezur), surge em 6.º posto. “Uma praia despida para deslumbrar”, opinava-se na Fugas num especial dedicado às praias naturistas.

Mais uma praia espanhola (em 7.º, El Torn, Tarragona) e, em 8.º, a Bela Vista (a praia 17), até há poucos anos o único troço naturista oficial da linha da Caparica. Perto da Fonte da Telha, localiza-se à esquerda para quem chega de carro – à direita, está a Adiça, que em 2015 se tornou a segunda praia da zona onde o nudismo é oficialmente permitido.

O top 10 completa-se com duas praias gregas: a Vermelha (Santorini) e a Plakias (Creta). 

Em Portugal, além das três praias que a agência de viagens britânica decidiu destacar, são também areais oficiais do naturismo as praias do Meco (Sesimbra), Adiça (Caparica, Almada), do Salto (Porto Covo, Sines), do Homem Nu (Aljezur), Malhão (Milfontes, Odemira) e Alteirinhos (Zambujeira, Odemira). Além destas, como aponta a Federação Portuguesa de Naturismo, existem muito mais praias onde o nudismo é “tolerado”.

O top 45 da Globehunters pode ser consultado na íntegra aqui e nasce de um destaque da agência a um estilo de escapadelas considerado uma tendência do ano: as nakations, “férias nudistas”, no seu termo inglês internacional nascido de naked (nu) e vacations (férias) – ou seja, umas “nudérias”.