Torne-se perito

Polícia recolhe provas na casa de Rosa Grilo

Elementos da GNR estiveram na habitação. Antigo inspector da PJ, consultor forense da defesa de Rosa Grilo, terá encontrado invólucro de uma munição que poderá estar relacionado com a arma do crime.

Foto
ANTÓNIO PEDRO SANTOS

Militares da GNR estiveram esta sexta-feira a recolher provas na casa onde terá sido morto o empresário e triatleta Luís Grilo, depois de um consultor forense contratado pela defesa da viúva Rosa Grilo ali ter encontrado um invólucro de uma munição que poderá estar relacionado com a arma do crime. Tânia Reis, advogada de Rosa Grilo, também esteve no local e disse, ao PÚBLICO, que vai indicar este consultor como testemunha e espera que as perícias que se venham a fazer às novas provas recolhidas contribuam para acrescentar novos dados ao processo. Apesar da investigação ao crime em causa (homicídio) ser da exclusiva competência da PJ, no local estiveram elementos do Núcleo de Apoio Técnico da GNR, a força policial com jurisdição naquela zona.