Mãe e filha detidas por desacatos em unidade de saúde de Nevogilde

As duas mulheres causaram estragos no consultório da médica que as atendeu. A mulher mais nova teve uma indisposição quando já estava detida, sendo accionado o INEM.

Foto
NELSON GARRIDO/ARQUIVO

Duas mulheres, mãe e filha, foram detidas na unidade de saúde de Nevogilde, no Porto, onde insultaram uma médica e polícias, além de causarem danos num consultório, disse fonte da PSP nesta sexta-feira.

Tudo começou pouco antes das 18h de quinta-feira no consultório de uma médica, de 65 anos, e as protagonistas dos incidentes foram uma mulher de 73 anos e a sua filha, de 42.

Segundo a polícia, as duas utentes “adoptaram uma atitude agressiva” perante a médica, alegadamente por questões “cuja resolução supostamente ultrapassavam as competências dessa mesma médica”.

O registo policial da ocorrência não faz qualquer menção a agressões à clínica, acrescentou.

A médica acabou por sair do consultório e, quando regressou, deparou com alguns estragos.

A clínica e agentes da PSP entretanto chamados ao local foram injuriados pelas duas mulheres que persistiram na atitude agressiva já na esquadra policial para onde foram conduzidas.

“A mais nova teve uma indisposição quando já estava detida, sendo accionado o INEM”, relatou a fonte.

Ambas foram notificadas para comparecer no Tribunal de Pequena Instância Criminal do Porto.