Montenegro prepara almoço amanhã com delegados ao congresso

Iniciativa acontece numa altura em que há movimentações para as listas ao conselho nacional do PSD.

Foto
Luís Montenegro Daniel Rocha

Luís Montenegro vai reunir os delegados que foram seus apoiantes num almoço, amanhã, em Viana do Castelo, no primeiro dia do congresso do PSD, que decorre naquela cidade.

Ao que o PÚBLICO apurou, a iniciativa vai reunir a equipa de campanha, apoiantes e delegados eleitos nas listas de Luís Montenegro, que perdeu a segunda volta das eleições directas, a 18 de Janeiro, para Rui Rio.

O almoço acontece numa altura em que há movimentações por causa das listas ao conselho nacional alternativas a Rui Rio. As candidaturas têm de ser entregues até às 19h de sábado.

Depois da derrota à segunda volta por mais de dois mil votos, o núcleo duro de Luís Montenegro ponderou como gerir o posicionamento do antigo líder parlamentar no congresso, que vai eleger os órgãos nacionais.

É habitual haver várias listas ao conselho nacional – que acolhe as várias sensibilidades internas – o que deverá repetir-se neste 38.º congresso. Já é certo que Hugo Soares, número dois de Luís Montenegro, não integrará nenhuma lista ao conselho nacional. O mesmo acontece com Miguel Pinto Luz, outro candidato às directas (que não passou à segunda volta).

Já Carlos Reis, apoiante de Rui Rio, e que liderou a segunda lista mais votada em 2018, volta a ser primeiro candidato a uma lista ao conselho nacional. O deputado assegura que continua a ser “solidário” com o líder do partido e que a sua intenção é influenciar de forma “positiva” a vida interna do PSD.

As movimentações dos apoiantes de Luís Montenegro e de Miguel Pinto Luz vão ser um dos “fantasmas” deste congresso. O outro é Pedro Passos Coelho que não deverá estar presente mas pode, ainda assim, ser referido nos discursos. Recorde-se que recentemente o ex-primeiro-ministro surgiu em público a apelar a uma união entre o PSD e o CDS. Dentro de dias também surgirá na apresentação do novo livro de Carlos Moedas.

Sugerir correcção