Entrevista

Aumento extra na função pública “é uma proposta provocadora”

Ana Avoila acusa o Governo de má-fé e diz que não encontra diferenças entre Vítor Gaspar e Mário Centeno. Sobre as negociações, sublinha que “um dirigente sindical que é enganado deve bater com a porta”.

Foto

Ana Avoila, coordenadora da Frente Comum dos Sindicatos da Função Pública, tem encontro marcado na segunda-feira com a ministra da Modernização do Estado, Alexandra Leitão. Em cima da mesa está um aumento extraordinário acima dos 0,3% para uma parte dos funcionários públicos