Raul Morodo: o “irmão” espanhol de Soares

Negociou a libertação de activistas da LUAR na Espanha de Franco, indicou advogado para o assassinato de Delgado e manteve Don Juan no Estoril.

Preto M
Foto
Morodo, à esquerda, com Garcia dos Santos. Otelo e Pezarat Correia na sua despedida como embaixador em Portugal David Clifford

Foi uma amizade de décadas de luta contra as ditaduras ibéricas, de sonhos de democracia e de pontos de vista idênticos sobre o futuro da Península Ibérica. O antigo Presidente da República Mário Soares falava de Raul Morodo como o seu “irmão” espanhol. Este retribuía-lhe com o mesmo afecto.