Acessos a deficientes. Só há elevador em 55% dos edifícios públicos com escadas

Relatório de diagnóstico sobre acessibilidades do edificado do Estado está pronto e deverá ser divulgado no início da semana. A grande maioria do edificado foi construído antes da primeira legislação sobre acessibilidades.

Foto
Carolina Pescada

Em 45% dos edifícios públicos com mais do que um andar não há elevadores ou plataformas elevatórias, 42% destes edifícios não têm lugar reservado para pessoas com deficiência e apenas 64% têm balcões de atendimento adaptados do ponto de vista da altura. São dados da Comissão para a Promoção das Acessibilidades (CPA), que terminou esta quinta-feira o seu trabalho.