Torne-se perito

A Europa perdeu a face de Janus que contempla o mundo

Quando esta sexta-feira a União se vir amputada do Reino Unido, as consequências irão muito além do tamanho relativo do seu PIB e da sua população ou até do seu exército. Nenhum desafio será mais fácil de enfrentar.

Foto
O Reino Unido sai esta sexta-feira da UE SIMON DAWSON/Reuters

“Em 2050, o Reino Unido será a maior potência europeia do ponto de vista da população, da economia e da capacidade militar.” O então primeiro-ministro David Cameron, ainda antes de ter desencadeado o maior choque geopolítico da Europa do pós-guerra e do seu próprio país, resumia em boa medida a imagem que hoje domina os espíritos de ambos os lados da Mancha. Faltam trinta anos para o meio do século, mas a União Europeia perde uma das suas três principais potências, 66 milhões de habitantes, 15 por cento do seu PIB, um dos dois únicos países com uma capacidade militar e nuclear considerável.