Trump apresenta “última hipótese de um Estado” aos palestinianos

Plano foi apresentado ao lado de Benjamin Netanyahu em Washington e sem serem ouvidos os palestinianos. Primeira consequência: primeiro-ministro israelita anuncia votação do Governo para anexar colonatos e Vale do Jordão.

Foto
Trump e Netanyahu falam de um "dia histórico" MICHAEL REYNOLDS/EPA

O Presidente norte-americano, Donald Trump, apresentou o seu plano para a paz entre israelitas e palestinianos, um plano que, congratulou-se, é diferente de todos os outros que antes falharam. Mas na cerimónia, em que discursou também o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, houve algumas contradições.