Arquitectura 2020

depA: a arquitectura como espaço de confronto

O atelier portuense vai representar o país na 17.ª Bienal de Arquitectura de Veneza com o projecto In Conflict, uma exposição com base em sete processos exemplares do que tem sido a arquitectura portuguesa no pós-25 de Abril.

Foto
Os depA são Luís Sobral (Pinhel, 1985), Carlos Azevedo (Coruche, 1985) e João Crisóstomo (Coimbra, 1985) Paulo Pimenta

 “Como vamos viver juntos?” — “Em confronto”. É assim que os depA vão responder à questão proposta pelo comissário libanês Hashim A. Sarkis para a 17.ª edição da Bienal de Arquitectura de Veneza. In Conflict é o tema proposto pelo atelier portuense, que a Direcção-Geral das Artes (DGA) escolheu para representar o país no evento italiano, a partir de 23 de Maio.