Mulher que esfaqueou marido em Esposende acusada de tentativa de homicídio

Caso ocorreu em Abril de 2018. Ministério Público considera que vítima apenas sobreviveu devido à “pronta assistência médica”.

Foto
Francisco Romao Pereira/ARQUIVO

O Ministério Público (MP) acusou de homicídio qualificado, na forma tentada, uma mulher que em 2018 esfaqueou o marido nas costas em Marinhas, Esposende, quando ele dormia, anunciou esta terça-feira a Procuradoria-Geral Distrital do Porto.

Em nota publicada na sua página na internet, aquela procuradoria refere que os factos remontam à madrugada de 11 de Abril de 2018, no interior da residência do casal.

O MP considerou indiciado que a arguida, com cerca de 35 anos, manteve uma discussão com o marido, após o que este “se recolheu a um quarto, acabando por adormecer sobre uma cama, de barriga para baixo”.

Ainda segundo o MP, a arguida, por volta das 3h30, foi ao quarto munida de uma faca de gume serrilhado e desferiu um golpe, “com força e de cima para baixo”, na zona das costas do marido. “A vítima só não morreu mercê da pronta assistência médica que lhe foi prestada”, acrescenta.