Justiça

Começou o julgamento do caso que revelou pedofilia na Igreja Católica em França

Os abusos ocorreram entre 1985 e 1991. Bernard Preynat enfrenta uma pena de dez anos de prisão.