Miguel Manso

As pressões sobre Centeno na hora do seu quinto Orçamento

Entre as pressões para mais investimento e despesa à esquerda e o receio de reanimar as críticas na Europa e nos mercados, o Governo apresenta esta segunda-feira o primeiro Orçamento desde o 25 de Abril que aponta para um excedente.

Ao seu quinto Orçamento do Estado, o Governo liderado por António Costa vai apontar pela primeira vez para um excedente orçamental, um resultado inédito em 45 anos de democracia, prolongando a tendência positiva a que se tem assistido nas contas públicas durante os últimos anos. O documento que deverá ser entregue esta segunda-feira no Parlamento, contudo, continua, como em anos anteriores a ser, em larga medida, influenciado pelas pressões em sentidos diversos sobre o ministro das Finanças.