Nuno Maulide leva-nos numa viagem pela química e a música na Conferência de Natal Ciência Viva

No final da tarde de 18 de Dezembro, Teatro Nacional D. Maria II vai acolher a Conferência de Natal Ciência Viva.

Nuno Maulide
Foto
Nuno Maulide DR

O químico Nuno Maulide será o orador da oitava Conferência de Natal da agência Ciência Viva. Intitulada Quando a Ciência se torna uma Arte, esta palestra apresentará pontos de contacto entre a química e a música. No início deste ano, Nuno Maulide foi eleito o Cientista do Ano na Áustria, uma distinção atribuída pelo Clube de Jornalistas de Ciência e Educação austríaco. A conferência realizar-se-á a 18 de Dezembro, às 19h, no Teatro Nacional D. Maria II (em Lisboa). A entrada é gratuita mediante inscrição.

Com 39 anos, o químico Nuno Maulide é professor catedrático na Universidade de Viena e professor convidado do Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier da Universidade Nova de Lisboa (em Oeiras). Até agora, já recebeu três bolsas do Conselho Europeu de Investigação. Quanto à distinção de Cientista do Ano na Áustria, foi o primeiro português e o primeiro químico a receber este prémio, que reconhece investigadores a trabalhar na Áustria e que “têm dado contributos notáveis para a ciência e para a divulgação junto do grande público, contribuindo para o aumento da cultura científica dos cidadãos”, refere-se no comunicado do prémio.

Além da sua actividade na ciência, Nuno Maulide é pianista amador e concluiu a parte principal do curso geral de Piano no Instituto Gregoriano de Lisboa. Fez também o primeiro ano do curso de Piano da Escola Superior de Música de Lisboa.

PÚBLICO -
Foto
Nuno Maulide também é pianista amador DR

Na Conferência de Natal Ciência Viva, vão assim aliar-se a química e a música. “Nuno Maulide apresentará pontos de contacto entre a química e a música, numa viagem fascinante pelo mundo da imaginação”, lê-se no comunicado da Ciência viva.

Inspiradas nas Conferências de Natal (Christmas Lectures) da Royal Institution de Londres criadas em 1825 pelo físico e químico inglês Michael Faraday, as Conferências de Natal Ciência Viva têm sido organizadas em parceria com instituições científicas de referência, portuguesas e estrangeiras. A palestra será traduzida em língua gestual portuguesa.