PÚBLICO é o grande vencedor nos Prémios de Ciberjornalismo de 2019

Jornal obteve prémios em quatro das cinco categorias a que concorria.

Foto
Fotografia da redacção de Lisboa Luís Miguel Manso

Excelência geral em Ciberjornalismo, Última Hora, Narrativa Vídeo Digital e Infografia Digital foram as categorias em que o PÚBLICO foi distinguido nos Prémios de Ciberjornalismo 2019 do ObCiber, observatório criado em 2008 que distingue anualmente os melhores trabalhos da área.

Na categoria de Última Hora — e em véspera de nova greve climática —, o acompanhamento “ao minuto” da greve pelo clima feito pelo P3 a 15 de Março mereceu o galardão do observatório.

A reportagem multimédia Manicómio: ninguém fica de fora, sobre o espaço de coworking no Beato, em Lisboa, que acolhe artistas com doenças mentais, recolheu o prémio na Narrativa Vídeo Digital.

Na área da Infografia Digital, o PÚBLICO venceu em dose dupla. O primeiro trabalho premiado — Espaço 1969 —, assinala o 50.º aniversário da primeira alunagem. A reportagem Alterações climáticas: o que já mudou e o que está para chegar — que mostra o impacto que este fenómeno já teve no meio ambiente e as previsões para as próximas décadas — foi a mais votada pelo público nesta categoria.

Por fim, o PÚBLICO revalidou o prémio na categoria Excelência Geral em Ciberjornalismo, depois de já o ter conquistado em 2018.

O júri dos prémios de Ciberjornalismo distinguiu ainda trabalhos do Expresso (reportagem multimédia), Fumaça (narrativa sonora digital), Região de Leiria (ciberjornalismo de proximidade) e ComUM (ciberjornalismo académico).