REPORTAGEM

Filhos assassinados, balas perdidas, casas invadidas: a realidade das favelas do Rio de Janeiro

Entre Janeiro e Agosto, 1249 pessoas foram mortas por intervenção policial, de acordo com Instituto de Segurança Pública.