Parlamento Europeu tem 411 vagas para estágios pagos

Programa de estágios Robert Schuman tem candidaturas abertas até 30 de Novembro. Estágios com bolsas de 1300 euros realizam-se entre Março e Julho de 2020.

Foto
LUSA/OLIVIER HOSLET

Está aberto o período de candidatura ao programa de estágios Robert Schuman, no Parlamento Europeu (PE), com início marcado para Março de 2020 e fim em Julho do mesmo ano.

No total são 411 as vagas disponíveis e contemplam várias áreas de conhecimento: comunicação (108); emprego, economia e finanças (16); infra-estruturas e logística (3); direito (24); relações internacionais (38); políticas internas da União Europeia (13); administração (57); tecnologias de informação (17); e multilinguismo (64), entre outras.

Em causa estão estágios pagos — com uma bolsa mensal de 1300 euros — em departamentos e serviços do PE em várias cidades da União Europeia (UE); há ainda duas oportunidades de estágio para Lisboa, na direcção de comunicação do gabinete do PE.

Os interessados devem ser nacionais de um dos Estados-membros da UE (ou dos países candidatos à adesão), ter concluído o primeiro ciclo do ensino superior, ser maiores de idade e ter “um conhecimento profundo de uma das línguas oficiais da UE”. Além disso, não podem ter trabalhado durante mais de dois meses consecutivos numa instituição ou órgão da UE.

As candidaturas podem ser submetidas online até 30 de Novembro de 2019. O regulamento pode ser consultado aqui.