PSD quer dar mais tempo do que PS aos deputados únicos

Sociais-democratas estudaram novo modelo para debates quinzenais mas não propuseram alterações.

Foto
Daniel Rocha

Os sociais-democratas querem tornar oficial o tempo de um minuto e meio para os deputados únicos poderem intervir nos debates com o primeiro-ministro, tal como a conferência de líderes definiu em 2016 para André Silva, do PAN. O que significa mais meio minuto do que o que o PS lhes quer dar – os socialistas pretendem uniformizar um minuto para todos discursos que aqueles deputados possam fazer.