Entrevista

Vandana Shiva: “Temos de destruir o mito de que a tecnologia é uma religião que não pode ser questionada”

Cientista e activista ambiental, fundou a organização não governamental Navdanya, que promove a biodiversidade de sementes, a agricultura biológica e os direitos dos agricultores na Índia. Esteve no Porto para falar de colonização, a nova e a antiga.

Foto
Nelson Garrido

Muito antes de uma menina sueca de 15 anos e longas tranças decidir fazer greve às aulas para protestar contra as alterações climáticas, já Vandana Shiva andava pelo mundo fora a abraçar árvores (literalmente), a guardar milhares de sementes num banco na Índia e a lutar pelo futuro do planeta. Vandana Shiva é uma activista ambiental mundialmente famosa que começou nestas andanças mais ou menos com a mesma idade de Greta Thunberg. A revista Time considerou-a uma “heroína” e a Forbes colocou-a na lista das mulheres mais poderosas do mundo.