As mulheres ganham mais do que os homens na construção? Não é bem assim

Mulheres ganham, em média, mais na construção e na captação, tratamento e distribuição de água, gestão de resíduos. Há uma distorção devido ao reduzido número de mulheres, que quando existem tendem a ser mais qualificadas.

Foto
Nelson Garrido

A radiografia mais recente da disparidade salarial é a do rendimento médio mensal líquido dos trabalhadores por contra de outrem. Foi tirada no primeiro semestre deste ano e só mostra as mulheres em vantagem duas vezes: uma é no sector da construção, a outra é no sector de captação, tratamento e distribuição de água, gestão de resíduos. Elas são poucas e mais qualificadas.