Afinal as feministas radicais gostam de homens, mas só de saias

Toda esta conversa de os homens não poderem usar saias é ainda mais estúpida se nos lembrarmos que, anatomicamente, os homens é que deviam usar saia, não as mulheres.

Foto
MIGUEL A. LOPES/LUSA

Um amigo que costuma acusar as feministas de odiarem os homens e de não quererem a igualdade, mas sim que os homens se lhes submetam, veio ter comigo com um ar triunfal depois do episódio das saias do assessor de Joacine Katar Moreira. Dizia ele que, afinal, as feministas radicais, como a Katar Moreira, gostavam de homens. Tinham era de ser homens de saia. Não vou ser eu a negar o lado simbólico de ter uma deputada negra a ter como assessor um homem branco. É a inversão dos papéis de género tradicionais, em que o homem com poder tem a sua secretária a organizar-lhe a agenda. E é a inversão de uma forma colorida. Não só a líder é mulher e negra, como o assessor é homem e branco.