i-album

Entrevista

“Não nos empurrem para a rua. Porque a gente luta quando tem que lutar”

A criação de um ministério da administração pública aumentou a expectativa dos trabalhadores de terem um interlocutor, em vez de serem uma folha de Excel nas Finanças, diz o secretário-geral da Fesap, José Abraão. A Fesap quer aumentar salários – todos, entre 3 a 4% -, rever carreiras, vínculos e sistema de avaliação. Pode ser com acordos anuais ou plurianuais.