O Chega está entre a AfD alemã e o velho Jean Marie Le Pen

Um partido populista de direita radical. É assim que os politólogos classificam o novo partido do leque variado da nova direita europeia.

,O suficiente
Fotogaleria
André Ventura e Diogo Pacheco de Amorim na noite eleitoral LUSA/ANTONIO COTRIM
Fotogaleria
Diogo Pacheco Amorim e André Ventura em Belém daniel rocha

O Chega nasceu há pouco mais de seis meses e conseguiu o que outros antes tentaram e falharam: ultrapassar os 40 mil votos e entrar no Parlamento. O Partido da Democracia Cristã e o Partido da Nova Democracia já desapareceram e o Partido Nacional Renovador nunca saiu das margens da política. Um resultado que deu azo ao debate sobre se o Chega é ou não de extrema-direita.