Entrevista

Edzard Ernst: “A medicina alternativa ameaça tratamentos que funcionam bem e troca-os por outros perigosos”

Esta sexta-feira o médico alemão Edzard Ernst vai falar sobre as ideias enganadoras e os perigos das terapias alternativas numa conferência no Instituto Politécnico de Leiria.

Foto
Edzard Ernst DR

Edzard Ernst tem um percurso curioso. Logo depois de terminar os estudos de medicina, trabalhou num hospital homeopático na Alemanha. “A homeopatia intrigou-me durante muitos anos; de certa forma, cresci com ela. O meu médico de família era homeopata”, escreveu o médico alemão no jornal britânico The Guardian. Mas, quando há cerca de duas décadas se começou a dedicar à investigação científica da homeopatia (e de outras terapias alternativas), tudo mudou: percebeu claramente carece de provas científicas e que os remédios homeopáticos eram puros placebos.