Hermínio Loureiro entre as dezenas de autarcas arguidos na Operação Éter

Também os actuais presidentes das câmaras de Caminha e de Boticas são arguidos. Investigação está na recta final e acusação será conhecida até ao final da próxima semana.

Foto
Nuno Ferreira Santos

O ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, Hermínio Loureiro, está entre as dezenas de actuais e antigos autarcas que foram constituídos arguidos no âmbito da chamada Operação Éter, inquérito em que o ex-presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal está detido preventivamente há perto de um ano, por suspeita de ter cometido vários crimes, parte dos quais relacionados com a forma como foram contratadas as lojas de turismo interactivas da região.