Operação Teia. Presidente da Câmara de Barcelos e empresária Manuela Couto em liberdade

Os dois arguidos estavam em prisão domiciliária, uma medida de coacção que foi anulada esta quarta-feira pelo Tribunal da Relação do Porto.

Presidente da Câmara de Barcelo dirigiu a autarquia a partir de casa nos últimos quatro meses.
Foto
Presidente da Câmara de Barcelo dirigiu a autarquia a partir de casa nos últimos quatro meses. Nelson Garrido

O presidente da Câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes, e empresária Manuela Couto, mulher do ex-presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto, estão desde o fim da tarde desta quarta-feira em liberdade, na sequência de uma decisão do Tribunal da Relação do Porto. Os dois arguidos da Operação Teia, um caso de corrupção, estavam em prisão domiciliária desde Junho, tendo conseguido anular esta medida de coacção no âmbito de recursos apresentados pelas respectivas defesas.