Iniciativa Liberal estreia-se no Parlamento com eleição de Cotrim Figueiredo

“Hoje fizemos história: pela primeira vez neste século um partido que se apresenta com menos de dois anos de vida irá ter representação no Parlamento”, festejou Carlos Guimarães, enquanto os apoiantes exultavam “liberal, liberal, liberal”.

,Suficiente
Fotogaleria
LUSA/MIGUEL A. LOPES
Fotogaleria
LUSA/MIGUEL A. LOPES
Fotogaleria
LUSA/MIGUEL A. LOPES
Fotogaleria
LUSA/MIGUEL A. LOPES
,O suficiente
Fotogaleria
LUSA/MANUEL FERNANDO ARAÙJO

O Iniciativa Liberal (IL) vai estrear-se no Parlamento. O partido elegeu o cabeça-de-lista por Lisboa, João Cotrim Figueiredo, segundo os resultados oficiais. O deputado eleito Cotrim de Figueiredo é ex-presidente do conselho directivo do Turismo de Portugal.

Festejando a entrada em São Bento, Cotrim Figueiredo promete ser uma “voz liberal de oposição ao socialismo”. Quando subiu ao palco para falar, as primeiras palavras foram confessionais: “Que viagem, que viagem…”.

O presidente do partido é Carlos Guimarães, cabeça-de-lista pelo Porto, o primeiro a aparecer em frente aos apoiantes para cantar vitória. E com uma promessa: a de que o novo partido irá ser será “uma voz clara” na defesa da liberdade individual, política e económica, e que fará uma “verdadeira oposição ideológica” à esquerda.

“Hoje fizemos história: pela primeira vez neste século um partido que se apresenta com menos de dois anos de vida irá ter representação no Parlamento”, festejou Carlos Guimarães, enquanto os apoiantes exultavam “liberal, liberal, liberal”.

Com 98,69% dos votos contados, o IL alcança 1,24% e contabiliza 61.168 votos a nível nacional. Em Lisboa, tem 2,33% (23.711 votos) quando estão contados 96,27% dos votos.