Wolverhampton vence o City em Manchester

Com um bis de Adama Traoré, a equipa comandada por Nuno Espírito Santo voltou a travar um dos “grandes” em Inglaterra.

Foto
Reuters/ANDREW YATES

Depois de um início de época difícil (zero vitórias nas primeiras seis jornadas), o Wolverhampton somou neste domingo o segundo triunfo consecutivo na Premier League e a primeira vitória da época como forasteiro foi logo na casa do campeão. Confirmando a apetência para criar problemas aos “grandes” ingleses, o Wolverhampton venceu o City em Manchester, com um bis de Adama Traoré nos últimos minutos.

Com quatro portugueses no “onze” (Rui Patrício, Rúben Vinagre, Rúben Neves e João Moutinho, o Wolverhampton fez o que se previa: entregou o domínio ao City e ficou à espera da oportunidade de contra-atacar. E nos primeiros 45 minutos, a equipa de Nuno Espírito Santo podia ter-se colocado em vantagem, mas Ederson evitou que Jiménez e Cutrone marcassem.

Com o City a sentir dificuldades em ultrapassar a organização dos “wolves”, Guardiola lançou de Bernardo Silva, aos 60’, e a partir daí o domínio dos campeões ingleses acentuou-se. O golo parecia iminente na baliza de Patrício e David Silva acertou na barra do guarda-redes português, mas na parte final a velocidade de Traoré fez a diferença.

Aos, aos 80’, o extremo surgiu isolado na cara de Ederson e bateu pela primeira vez o brasileiro; já nos descontos, Traoré aproveitou uma boa assistência de Jiménez e fez o segundo, acabando com as esperanças do City.

Com esta derrota, o City termina a jornada a oito pontos do líder Liverpool. O Wolverhampton sobe ao 11º lugar, com 10 pontos.

Sugerir correcção