O Sporting voltou em força para junto da elite

“Leões” esmagaram o Terceira Basket no arranque do campeonato 2019-20, que assinala o regresso 24 anos depois.

Foto
DR

Vinte e quatro anos depois, o Sporting voltou a competir no principal escalão do basquetebol português. E a estreia na Liga 2019-20 foi promissora: triunfo esmagador, por 58-119, no pavilhão do Terceira Basket, numa jornada inaugural que também contou com vitórias do FC Porto e do Benfica. A Oliveirense, campeã em título, só hoje entra em campo, para defrontar a Ovarense.

Com o extremo/poste Jeremias Manjate e o base Pedro Catarino a anotarem 18 pontos cada (Travante Williams conseguiu 14 e nove ressaltos), o Sporting cedo descolou no marcador e chegou ao intervalo a ganhar por 29-64. Uma superioridade que a equipa treinada por Luís Magalhães confirmou nos derradeiros dois períodos, também impulsionada pela longa distância de Catarino (conseguiu a incrível marca de seis triplos convertidos em outras tantas tentativas).

A jogar igualmente fora de casa, o FC Porto também se impôs com algum conforto, no caso ao Galitos do Barreiro (73-93). O reforço Tanner McGrew, autor de um duplo duplo (16 pontos e 13 ressaltos) foi  figura de uma partida em que os anfitriões até começaram a ganhar (24-19), antes de os “dragões” acelerarem, especialmente nos segundo e quarto períodos.

Bem mais dificuldades sentiu o Benfica na recepção ao V. Guimarães (78-76). Com um arranque de jogo demasiado passivo, os “encarnados” perderam os dois parciais iniciais, chegaram ao intervalo em desvantagem por 35-42, a cinco minutos do fim perdiam por 10 pontos, mas ainda deram a volta graças a uma grande ponta final, em que chegaram a marcar 12 pontos sem resposta. Micah Downs, com um total de 20 pontos e seis ressaltos no jogo, foi determinante na recuperação.