Fotogaleria

Freitas do Amaral: morreu o último dos fundadores

O fundador do CDS, o último dos fundadores dos principais partidos do sistema democrático nascido da revolução do 25 de Abril, morreu esta quarta-feira. O país deve-lhe a democratização da direita portuguesa pós-1974.

Freitas do Amaral durante uma entrevista ao PÚBLICO, Fevereiro de 1998 Pedro Cunha
Fotogaleria
Freitas do Amaral durante uma entrevista ao PÚBLICO, Fevereiro de 1998 Pedro Cunha

Freitas do Amaral teve uma longa e intensa vida política, com cerca de cinco décadas de intervenção pública: foi fundador e primeiro presidente do CDS, fez parte de governos da Aliança Democrática, entre 1979 e 1983, e foi primeiro-ministro interino após a morte de Sá Carneiro. Foi também candidato nas históricas presidenciais de 1986, contra Mário Soares, e, já neste século, foi ministro dos Negócios Estrangeiro num governo PS (2005-2006) como independente, após ter saído do CDS em 1992.

Nascido em 21 de Julho de 1941, na Póvoa de Varzim, Diogo Freitas do Amaral passou a infância entre Guimarães (de onde era natural o pai) e a Póvoa de Varzim (a terra da mãe), mas os primeiros anos foram muito marcados pela morte dos dois irmãos mais velhos, ainda crianças. Queria ser engenheiro, mas sem jeito para Matemática, deixou-se convencer por dois tios que estudaram Direito e lhe “falavam das suas aulas com os professores Marcello Caetano e Galvão Teles”, contou em entrevista à Sábado em 2017. Acabou por se formar em Direito da Universidade de Lisboa. Obteve o grau de Doutor em Direito (Direito público) em 1967 e ensinou na faculdade até 1998. 

A direita não lhe perdoou as mudanças de percurso como a esquerda nunca esqueceu a sua origem. Esteve a pouco mais de 138 mil votos de ser Presidente da República, mas o PSD, parceiro da candidatura do Prá Frente Portugal!, pôs a chancela do falhanço pessoal no insucesso das eleições mais renhidas para Belém. Por um ano foi presidente da Assembleia-Geral da ONU e por duas vezes foi ministro dos Negócios Estrangeiros, a última das quais num executivo de José Sócrates. Desfilou em protestos e abaixo-assinados contra a guerra do Iraque e a troika. A direita condenou-o ao ostracismo. E a esquerda via-o com condescendência. Fundou um partido e morreu politicamente só.

Leia aqui o obituário.

Diogo Freitas do Amaral na Fundação Calouste Gulbenkian onde foi instalado o centro de operações da eleição para a Assembleia da República, 26 de Abril de 1976,Diogo Freitas do Amaral na Fundação Calouste Gulbenkian onde foi instalado o centro de operações da eleição para a Assembleia da República, 26 de Abril de 1976
Diogo Freitas do Amaral na Fundação Calouste Gulbenkian onde foi instalado o centro de operações da eleição para a Assembleia da República, 26 de Abril de 1976,Diogo Freitas do Amaral na Fundação Calouste Gulbenkian onde foi instalado o centro de operações da eleição para a Assembleia da República, 26 de Abril de 1976 Carlos Lopes
Diogo Freitas do Amaral com Francisco Sá Carneiro e Gonçalo Ribeiro Telles nos tempos da AD, 1979/1980
Diogo Freitas do Amaral com Francisco Sá Carneiro e Gonçalo Ribeiro Telles nos tempos da AD, 1979/1980 DR
O primeiro-ministro Cavaco Silva manifesta apoio à candidatura de Freitas do Amaral à Presidencia da República, Dezembro de 1985
O primeiro-ministro Cavaco Silva manifesta apoio à candidatura de Freitas do Amaral à Presidencia da República, Dezembro de 1985 Carlos Lopes
Comício da candidatura de Freitas de Amaral a Presidente da República, 22 de Janeiro de 1986
Comício da candidatura de Freitas de Amaral a Presidente da República, 22 de Janeiro de 1986 Carlos Lopes
Na Assembleia Geral das Nações Unidas com o Papa João Paulo II, Boutros-Ghali, secretário-geral da ONU, e Álvaro Soto, 5 de Outubro de 1995
Na Assembleia Geral das Nações Unidas com o Papa João Paulo II, Boutros-Ghali, secretário-geral da ONU, e Álvaro Soto, 5 de Outubro de 1995
Diogo Freitas do Amaral e Pedro Roseta na comissão parlamentar de inquérito do caso Camarate, 10 de Outubro de 1996
Diogo Freitas do Amaral e Pedro Roseta na comissão parlamentar de inquérito do caso Camarate, 10 de Outubro de 1996 Luis Ramos
Diogo Freitas do Amaral, presidente da Assembleia Geral das Nações Unidas, e Boutros-Ghali, secretário-geral da ONU, 17 de Setembro de 1996
Diogo Freitas do Amaral, presidente da Assembleia Geral das Nações Unidas, e Boutros-Ghali, secretário-geral da ONU, 17 de Setembro de 1996 Peter Morgan/REUTERS
Freitas do Amaral e Paulo Portas no almoço comemorativo do 25.º aniversário do CDS, 17 de Julho de 1999
Freitas do Amaral e Paulo Portas no almoço comemorativo do 25.º aniversário do CDS, 17 de Julho de 1999 Adriano Miranda
Mário Soares e Freitas do Amaral num debate sobre a extrema-direita na Áustria, 22 de Março de 2000
Mário Soares e Freitas do Amaral num debate sobre a extrema-direita na Áustria, 22 de Março de 2000 Pedro Valente
Numa entrevista como autor da peça de teatro "Magnífico Reitor", 21 de Março de 2001
Numa entrevista como autor da peça de teatro "Magnífico Reitor", 21 de Março de 2001 Rui Gaudêncio
Com actores do elenco  da peça de teatro "Magnífico Reitor", 21 de Março 2001
Com actores do elenco da peça de teatro "Magnífico Reitor", 21 de Março 2001 Rui Gaudêncio
Freitas do Amaral, Mário Soares, Odete Santos, Maria de Lurdes Pintasilgo e Francisco Louçã, no comício da "plataforma contra a guerra", na Aula Magna da reitoria da Universidade de Lisboa, 1 de Março de 2003
Freitas do Amaral, Mário Soares, Odete Santos, Maria de Lurdes Pintasilgo e Francisco Louçã, no comício da "plataforma contra a guerra", na Aula Magna da reitoria da Universidade de Lisboa, 1 de Março de 2003 Miguel Silva
Freitas do Amaral e Mário Soares no comício da "plataforma contra a guerra", na Aula Magna da reitoria da Universidade de Lisboa, 1 de Março de 2003
Freitas do Amaral e Mário Soares no comício da "plataforma contra a guerra", na Aula Magna da reitoria da Universidade de Lisboa, 1 de Março de 2003 Miguel Silva
O Presidente da República Jorge Sampaio condecora Freitas do Amaral com a grã-cruz da Ordem de Sant'Iago da Espada nas comemorações do 10 de Junho (2003),O Presidente da República Jorge Sampaio condecora Freitas do Amaral com a grã-cruz da Ordem de Sant'Iago da Espada nas comemorações do 10 de Junho (2003)
O Presidente da República Jorge Sampaio condecora Freitas do Amaral com a grã-cruz da Ordem de Sant'Iago da Espada nas comemorações do 10 de Junho (2003),O Presidente da República Jorge Sampaio condecora Freitas do Amaral com a grã-cruz da Ordem de Sant'Iago da Espada nas comemorações do 10 de Junho (2003) Rui Gaudêncio
Mário Soares no lançamento de um livro de Freitas do Amaral, 7 de Maio de 2003
Mário Soares no lançamento de um livro de Freitas do Amaral, 7 de Maio de 2003 Miguel Madeira
Tomada de posse do XVII Governo Constitucional no Palácio da Ajuda. Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros, cumprimenta Paulo Portas, 12 de Março de 2005
Tomada de posse do XVII Governo Constitucional no Palácio da Ajuda. Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros, cumprimenta Paulo Portas, 12 de Março de 2005 Daniel Rocha
Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros, com a mulher e os filhos na tomada de posse do XVII Governo Constitucional no Palácio da Ajuda, 12 de Março de 2005
Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros, com a mulher e os filhos na tomada de posse do XVII Governo Constitucional no Palácio da Ajuda, 12 de Março de 2005 Pedro Cunha
Freitas do Amaral e Javier Solana em Bruxelas, 16 de Março de 2005
Freitas do Amaral e Javier Solana em Bruxelas, 16 de Março de 2005 Thierry Roge/REUTERS
Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros na Assembleia da República, 21 de Março de 2005
Diogo Freitas do Amaral, ministro dos Negócios Estrangeiros na Assembleia da República, 21 de Março de 2005 Carlos Lopes
Bancada do Governo: primeiro-ministro José Socrates, Freitas do Amaral e Campos e Cunha, 4 de Maio de 2005
Bancada do Governo: primeiro-ministro José Socrates, Freitas do Amaral e Campos e Cunha, 4 de Maio de 2005 Daniel Rocha
Presidente do Brasil, Lula da Silva, com o ministro Diogo Freitas do Amaral, no Palácio do Planalto, Brasília, 6 de Maio de 2005
Presidente do Brasil, Lula da Silva, com o ministro Diogo Freitas do Amaral, no Palácio do Planalto, Brasília, 6 de Maio de 2005 Jamil Bittar/REUTERS
Debate do Estado da Nação. Primeiro-ministro José Sócrates e Diogo Freitas do Amaral, 7 de Julho de 2005
Debate do Estado da Nação. Primeiro-ministro José Sócrates e Diogo Freitas do Amaral, 7 de Julho de 2005 Rui Gaudêncio
Diogo Freitas do Amaral fala, como ministro dos Negócios Estrangeiros português, na 60.ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, 19 de Setembro de 2005
Diogo Freitas do Amaral fala, como ministro dos Negócios Estrangeiros português, na 60.ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, 19 de Setembro de 2005 Chip East/REUTERS
Secretário-geral das Nações Unidas Kofi Annan cumprimenta Diogo Freitas do Amaral, 11 de Outubro de 2005
Secretário-geral das Nações Unidas Kofi Annan cumprimenta Diogo Freitas do Amaral, 11 de Outubro de 2005 José Manuel Ribeiro/Reuters
Debate na Assembleia da República, 2 de Março de 2006
Debate na Assembleia da República, 2 de Março de 2006 Nuno Ferreira Santos
Diogo Freitas do Amaral (ministro dos Negócios Estrangeiros) e António Costa (Administração Interna) em declarações sobre distúrbios em Timor-Leste, São Bento, 25 de Maio de 2006
Diogo Freitas do Amaral (ministro dos Negócios Estrangeiros) e António Costa (Administração Interna) em declarações sobre distúrbios em Timor-Leste, São Bento, 25 de Maio de 2006 Pedro Cunha
Freitas do Amaral dá a sua última aula de Direito, na Universidade Nova de Lisboa, 22 de Maio de 2007
Freitas do Amaral dá a sua última aula de Direito, na Universidade Nova de Lisboa, 22 de Maio de 2007 Carlos Lopes
Diogo Freitas do Amaral na X comissao parlamentar de inquérito a Camarate, 19 de Fevereiro de 2013
Diogo Freitas do Amaral na X comissao parlamentar de inquérito a Camarate, 19 de Fevereiro de 2013 Daniel Rocha
 Freitas do Amaral na comissão parlamentar de inquérito do caso Camarate, 19 de Fevereiro de 2013
Freitas do Amaral na comissão parlamentar de inquérito do caso Camarate, 19 de Fevereiro de 2013 Daniel Rocha
Conselho de Estado reunido com a presenca de Jorge Sampaio, José Sócrates, entre outros. Na foto, Freitas do Amaral, 15 de Julho de 2015,Conselho de Estado reunido com a presenca de Jorge Sampaio, José Sócrates, entre outros. Na foto, Freitas do Amaral, 15 de Julho de 2015
Conselho de Estado reunido com a presenca de Jorge Sampaio, José Sócrates, entre outros. Na foto, Freitas do Amaral, 15 de Julho de 2015,Conselho de Estado reunido com a presenca de Jorge Sampaio, José Sócrates, entre outros. Na foto, Freitas do Amaral, 15 de Julho de 2015 Daniel Rocha
Diogo Freitas do Amaral em entrevista à Rádio Renascença, 25 de Outubro de 2016
Diogo Freitas do Amaral em entrevista à Rádio Renascença, 25 de Outubro de 2016 Enric Vives-Rubio
Sugerir correcção