Televisão, 2019: os episódios de séries de que os Emmys mais gostaram

Entre as nomeações para melhor argumento e melhor realização surgem alguns dos capítulos mais interessantes do livro de história da ficção televisiva anglófona deste ano. Na madrugada de segunda-feira serão conhecidos os vencedores dos 71.ºs Emmys.

Foto
DR

Os 71.ºs Emmys são entregues na madrugada de domingo para segunda-feira e, no final de uma longa campanha e de um ano mais uma vez a transbordar de produção americana, pode ser útil resumir (parte) da história televisiva de 2019: entre as nomeações para argumento e realização destacam-se alguns dos melhores episódios de séries dramáticas, de comédia e de “edição limitada” do ano. A transmissão da cerimónia em Portugal será no canal SIC Caras.

Drama

A série para a qual muitos olhos estarão voltados está precisamente na categoria dramática. A Guerra dos Tronos, que em muitos aspectos é a série definidora de uma era televisiva, tem o número recorde de 32 nomeações conseguidas por um drama num só ano – um bom punhado delas está nas categorias realização e argumento. No drama, a Academia de Artes e Ciências Televisivas acaba por pôr em destaque um dos capítulos e um dos finais mais polarizantes da história da televisão recente, ao nomear duplamente David Benioff e D.B. Weiss pelo último episódio de A Guerra dos Tronos. A Academia nomeou também história e realização de um episódio-chave de The Handmaid's Tale, a série que há dois anos fez história ao ser a primeira de um serviço de streaming a receber o Emmy de Melhor Série Dramática.

Melhor Realização de uma Série Dramática

A Guerra dos Tronos - The Iron Throne, realizado por David Benioff e D.B. Weiss

A Guerra dos Tronos - The Last Of The Starks, realizado por David Nutter

A Guerra dos Tronos - The Long Night, realizado por Miguel Sapochnik

The Handmaid's Tale - Holly, realizado por Daina Reid

Killing Eve ­- Desperate Times, realizado por Lisa Brühlmann

Ozark – Reparations, realizado por Jason Bateman

Succession – Celebration, realizado por Adam McKay

Melhor Escrita para uma Série Dramática

Better Call Saul – Winner, argumento de Peter Gould e Thomas Schnauz

Bodyguard - Episode 1, argumento de Jed Mercurio

A Guerra dos Tronos - The Iron Throne, argumento de David Benioff, e D.B. Weiss

The Handmaid's Tale - Holly, argumento de Bruce Miller e Kira Snyder

Succession - Nobody Is Ever Missing, argumento de Jesse Armstrong

Killing Eve - Nice And Neat, argumento de Emerald Fennell

Comédia

Outra despedida na HBO, desta feita na comédia, paira sobre a categoria – a sétima e última temporada de Veep, retrato ácido de uma equipa de políticos encabeçada pela vencedora de oito Emmys como actriz de comédia, Julia Louis-Dreyfus. Mas é também a comédia do mesmo canal, Barry, que conquistou os 25 mil membros da Academia – e Bill Hader está nomeado pela sua realização e pela escrita de um episódio central da série, ronny/lily. Fleabag, uma das comédias mais elogiadas do ano, consegue também dupla nomeação de autoria pelo seu Episode 1. Esses são os episódios que se destacam nesta categoria.

Melhor Realização de uma Série Dramática

Barry - The Audition, realizado por Alec Berg

Barry - ronny/lily, realizado por Bill Hader

A Teoria do Big Bang - The Stockholm Syndrome, realizado por Mark Cendrowski

Fleabag - Episode 1, realizado por Harry Bradbeer

The Marvelous Mrs. Maisel - All Alone, realizado por Amy Sherman-Palladino

The Marvelous Mrs. Maisel - We're Going To The Catskills! , realizado por Daniel Palladino

Melhor Escrita para uma Série de Comédia

Russian Doll - Nothing In This World Is Easy, argumento de Leslye Headland e história de Natasha Lyonne e Amy Poehler

Russian Doll - A Warm Body, argumento de Allison Silverman

Barry - ronny/lily, argumento de Alec Berg e Bill Hader

Fleabag - Episode 1, argumento de Phoebe Waller-Bridge

The Good Place - Janet(s), argumento de Josh Siegal e Dylan Morgan

PEN15- Anna Ishii-Peters, argumento de Maya Erskine, Anna Konkle e Stacy Osei-Kuffour

Veep – Veep, argumento de David Mandel

Série Limitada, Filme ou Especial de Drama

Esta categoria diz respeito a filmes ou especiais, mas também séries limitadas e são elas que preenchem estas categorias na totalidade. Estas são séries com um mínimo de dois episódios e um máximo de cinco e que têm histórias e personagens que não voltam numa temporada seguinte. É também uma categoria onde os nomes do cinema mais são visíveis, do actor-realizador Ben Stiller a Stephen Frears ou Ava DuVernay. Como as séries limitadas tendem a ser produtos de autor, e de realizador no meio que é conhecido como pertencente aos argumentistas, estes surgem em destaque nesta secção.

Melhor Realização de uma Série Limitada, Filme ou Especial de Drama

Chernobyl, realizado por Johan Renck

Escape At Dannemora, realizado por Ben Stiller

Fosse/Verdon - Glory, realizado por Jessica Yu

Fosse/Verdon - Who’s Got The Pain, realizado por Thomas Kail

A Very English Scandal, realizado por Stephen Frears

When They See Us, realizado por Ava DuVernay

Melhor Escrita de uma Série Limitada, Filme ou Especial de Drama

Chernobyl, argumento de Craig Mazin

Escape At Dannemora - Episode 6, argumento de Brett Johnson, Michael Tolkin e Jerry Stahl

Escape At Dannemora - Episode 7, argumento de Brett Johnson e Michael Tolkin

Fosse/Verdon - Providence, argumento de Steven Levenson e história de Joel Fields

A Very English Scandal, argumento de Russell T. Davies

When They See Us - Part Four, argumento de Ava DuVernay e história de Ava DuVernay e Michael Starrbury