Ronaldo resolve problema criado por Miguel Veloso

Miguel Veloso marcou, Cristiano Ronaldo marcou e assistiu. O ex-Sporting Demiral foi titular na Juventus pela primeira vez.

Ronaldo em acção, com Veloso por perto.
Foto
Ronaldo em acção, com Veloso por perto. Reuters/MASSIMO PINCA

A Juventus venceu o Verona, por 2-1, neste sábado, em jogo da ronda 4 da Liga italiana. Este resultado permite à equipa de Turim pressionar o Inter, que ainda terá derby milanês neste sábado. Já o Verona pode terminar a jornada perto da zona de descida.

Em Turim, o jogo começou mal para a equipa da casa. Aos 21’, o Verona teve um penálti à disposição, mas Di Carmine atirou ao poste e, na recarga, Lazovic repetiu a “proeza” do colega, acertando também no ferro. A bola continuou em jogo e, alguns segundos depois, surgiu “a pingar” à entrada da área da Juventus. O português Miguel Veloso desferiu um remate potente e colocado, batendo Buffon.

Mas, dez minutos depois, Ronaldo serviu Ramsey, que aplicou a mesma receita de Veloso: remate à entrada da área e empate restabelecido.

Na segunda parte, aos 49’, Cuadrado rompeu pela direita e sofreu penálti. Ronaldo foi chamado a converter, como habitualmente, e, também como habitualmente, não falhou. Bola para o meio e guarda-redes para a direita. Miguel Veloso ainda esteve perto de “roubar” a Ronaldo a honra de herói da tarde, mas acertou na barra, aos 89’.

A Juventus voltou a não encantar a nível exibicional, mas continua sem perder no campeonato - três vitórias pela margem mínima e um empate.